De acordo com a autarquia, o investimento previsto é superior a 235 mil euros e será comparticipado a 100% através do Programa Operacional Regional.

Os projetos técnicos de execução e candidaturas já foram aprovadas pela Câmara Municipal.  O presidente da autarquia, Pedro Ribeiro, apela à “rápida resposta às candidaturas, para que possamos iniciar um trabalho que reivindicamos há muito e que é da máxima importância para toda a comunidade”.

O autarca prossegue que, “com estas intervenções e com o projeto de requalificação da Escola Secundária do Cartaxo, que já tem financiamento assegurado, o parque escolar do Concelho fica sem exposição de risco ao amianto”.

Esta proposta foi aprovada por unanimidade, na reunião da passada segunda-feira, dia 19. As escolas envolvidas são a Escola EB1 José Tagarro e Escola EB1 Norte, ambas no Cartaxo, Escola EB2,3 de Pontével e Escola EB1 de Casais Penedos.

As candidaturas agora aprovadas decorrem no âmbito do Despacho conjunto do Ministro da Educação e da Ministra da Coesão Territorial, publicado em junho deste ano, que definiu a retirada e substituição do amianto de estabelecimentos de ensino em todo o país e identificou os estabelecimentos de ensino a intervencionar.

Para o presidente da Câmara Municipal, a decisão de financiar a remoção das estruturas com amianto dos estabelecimentos de ensino é “uma excelente notícia para as crianças e jovens, mas também para professores e técnicos”.

“A Câmara Municipal tem reivindicado continuamente esta solução”, afirmou o autarca, que considera esta decisão da administração central da maior importância para “a nossa comunidade educativa, que vê criadas as condições para aprender e trabalhar em segurança”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *