A propósito da entrada em vigor do Estado de Contingência em todo o Portugal Continental, desde o passado dia 15 de setembro, a autarquia determinou que os estabelecimentos que não sejam restaurantes, estabelecimentos de ensino, culturais e desportivos, farmácias, clínicas, funerárias e de serviços de aluguer de veículos, têm de, obrigatoriamente, de encerrar às 23 horas.

A partir das 20 horas, não será possível adquirir bebidas alcoólicas em lojas de venda a retalho, incluindo super e hipermercados.

Os serviços públicos mantêm o atendimento presencial por marcação, mantendo-se a continuidade da prestação dos serviços através dos meios digitais, explica ainda a autarquia em comunicado.

Contudo, mantém-se em funcionamento o Centro Cultural do Cartaxo; o Museu Rural e do Vinho; a Biblioteca Marcelino Mesquita; o Complexo Cultural e Desportivo da Quinta das Pratas (com interdição ao uso do parque infantil); e o Parque de Santa Eulália.

O Centro de Convívio do Cartaxo, as Piscinas Municipais, o Pavilhão do INATEL, o Estádio Municipal do Cartaxo, bem como todos os parques infantis vão continuar encerrados ao público.

Ainda de acordo com a autarquia, o Mercado Semanal passa a realizar-se no espaço circundante à Praça de Touros do Cartaxo, em vez de decorrer no espaço exterior ao Mercado Municipal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *