António Domingues, nascido a 7 de agosto de 1954, faleceu ontem, dia 19, aos 66 anos. Para além do Rancho Folclórico do Cartaxo, Domingues foi ainda tesoureiro na Sociedade Filarmónica Cartaxense, tendo integrado os órgãos sociais da Federação do Folclore Português.

Foi ainda associado do Ateneu Artístico Cartaxense e da Associação de Caçadores do Cartaxo e membro da Assembleia de Freguesia do Cartaxo, eleito nas listas do Partido Socialista.

Ao nível profissional, trabalhou na Argibetão, tendo mais tarde assumido o cargo de gestor fabril na empresa Saprogal, do Cartaxo e Trofa. As cerimónias fúnebres vão ter lugar hoje, dia 20, na Capela do Cemitério do Cartaxo, às 13h00.

O presidente da autarquia cartaxense, Pedro Ribeiro, enviou uma nota de pesar à família enlutada e destacou “as qualidades humanas do Senhor António Domingues e o seu compromisso com a nossa comunidade, de que é testemunho o serviço público prestado em prol da nossa vida associativa, cultural e social”.

Devido à pandemia de COVID-19, as cerimónias fúnebres estarão reservadas apenas aos familiares mais próximos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *