A Câmara Municipal do Cartaxo criou um espaço para acolher quem se dirige ao edifício-sede para atendimento presencial. Esta Zona de Espera está situada no pátio interior do edifício – junto às instalações da Entidade Tributária e Aduaneira (conhecido como pátio das finanças).

Segundo o presidente da Câmara Municipal, Pedro Ribeiro, a Zona de Espera “permite que quem se dirige aos serviços possa aguardar à sombra, com o distanciamento adequado em relação a outras pessoas e entrar no edifício por um circuito diferenciado”.

Contudo, o autarca volta a apelar a todos que evitem deslocações à Câmara Municipal. “Os nossos serviços estão disponíveis para atender todas as necessidades que possam ser colmatadas sem deslocação de pessoas ao edifício-sede”.

Ribeiro alerta ainda para a necessidade de fazer marcação prévia – “uma medida que defende a saúde de todos”. O edil acrescenta ainda que o edifício da autarquia possui “todas as condições para que o atendimento presencial seja feito em segurança”.

Estas condições englobam a colocação de dispensadores de gel desinfetante em todos os espaços e circuitos de pessoas; a desinfeção de superfícies; a definição de circuitos para entrada e saída do edifício, para além de colocação de sinalética e de painéis de acrílico nos espaços de contacto mais próximo com o público.

A Câmara Municipal estabeleceu ainda regras aos munícipes para permanência na zona de espera e também para circulação no edifício-sede: reduzir ao mínimo o tempo de permanência nos espaços; cumprir a lotação do espaço, ocupando apenas os lugares sentados disponíveis; e limitar a permanência no edifício aos espaços onde decorrerá o atendimento, não sendo permitido circular no edifício para outros fins.

Adicionalmente, em todos os espaços é obrigatório cumprir o uso de máscara facial, a distância de segurança em relação a outras pessoas e a etiqueta respiratória.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *